Criança e brinquedos são a combinação perfeita para um dia de diversão, mas quando a brincadeira acaba, onde você costuma guardar eles? Alguns ficam espalhados pela casa, outros em um armário e alguns acabam no chão, certo? Por isso, é importante higienizar os itens dos pequenos, para que a brincadeira continue segura e saudável.

No geral, os brinquedos não precisam ser higienizados todos os dias, mas caso a criança esteja com alguma virose, por exemplo, é recomendável fazer uma limpeza diária nos itens com os quais ela tem mais contato, evitando que estes fiquem contaminados por algum vírus. Vale lembrar que alguns micro-organismos podem sobreviver nos objetos tempo suficiente para causar novos contágios, como é o caso do novo coronavírus (SARS-CoV-2).

Confira como limpar os brinquedos de acordo com o tipo de material:

  • Pelúcia: Um dos preferidos da criançada, os brinquedos de pelúcia precisam ser lavados com regularidade. Alguns podem ser inclusive lavados na máquina, no ciclo delicado. A dica aqui é deixar o brinquedo no varal, em um lugar arejado e ensolarado, e só guardar quando estiver completamente seco, para evitar fungos.
  • Madeira: Para limpar os brinquedos de madeira, use um pano levemente umedecido. Lembre-se de não colocar o brinquedo em contato direto com a água, pois pode ocasionar mofo.
  • Metal: Evite água. Utilize um pano umedecido com desinfetante, atentando-se a todos detalhes do brinquedo, para que cada partezinha seja corretamente higienizada. Fique alerta: brinquedos enferrujados devem ser descartados imediatamente.
  • Borracha ou plástico: Para uma limpeza completa, lave o brinquedo com água e detergente neutro, deixando secar naturalmente. Caso o brinquedo seja utilizado na hora do banho, remova toda a água do interior, escove bem todas as partes para retirar o limo e finalize passando um pano umedecido com desinfetante.
  • EVA: A limpeza pode ser feita com água e detergente neutro, deixando secar naturalmente e por completo, para evitar proliferação de bactérias e fungos.

Dicas de ouro:

Além de fazer a correta limpeza dos brinquedos, esteja sempre atento ao estado físico de cada um, procure sempre por rachaduras ou alterações que possam acumular sujeiras ou oferecer perigo para as crianças. Na hora do descarte, separe as peças por tipo de material, facilitando o processo de coleta seletiva.

Dê preferência para produtos de limpeza naturais, assim você garante que os pequenos estarão totalmente protegidos e poderão brincar com os brinquedos logo após a higienização, sem perigos.